Janelas acústicas: uma solução simples e efetiva para quem dorme mal

janelas acústicas - janela termoacustica em parede

Foto: Freepik / Reprodução

Viver em grandes centros urbanos é lidar, diariamente, com barulhos intensos de buzinas, sirenes, trânsito, construções, entre tantos outros ruídos. O pior é que eles não podem te incomodar só durante o dia: à noite, na hora de dormir, ouvir barulhos interfere diretamente na qualidade do seu sono. Pior que isso: podem interferir em sua saúde. Por isso, janelas acústicas estão ganhando cada vez mais espaço nos lares.

Afinal, ter soluções de conforto acústico em casa não é só um ótimo investimento, mas sim uma necessidade. Para quem dorme mal, elas fazem toda a diferença, pois ajudam a evitar tanto barulhos quanto raios de sol indesejáveis em dias de descanso.

Por isso, as janelas acústicas são as melhores soluções para esses casos. Se você não as conhece, confira o texto que fizemos explicando suas propriedades. Além disso, entenda por que você precisa morar em um lugar que as possui!

 

O que são janelas termoacústicas?

As janelas acústicas e térmicas são opções de conforto para quem deseja estabilizar a temperatura de um ambiente ou controlar a incidência de ruídos nele. Dessa forma, ela configura-se como um produto sustentável, pois contribui para a economia de energia de uma residência. 

Afinal, ela mantém a temperatura amena e impedem a troca de calor no verão, ao mesmo tempo que a controla no inverno. Consequentemente, o uso de energia elétrica é reduzido, visto que o uso desse tipo de janela faz com que o ar condicionado seja utilizado com menos frequência. 

Além disso, o material que reveste as também chamadas esquadrias acústicas são de uma junção de vidros. O temperado, por exemplo, impede a passagem de iluminação e possui alta resistência. Já o laminado pode filtrar em até 99,6% dos raios ultravioleta que batem nele. 

Ademais, sua película de PVB também permite a função termo-acústica. Juntos, esses dois pedaços de vidro podem ter 10mm ou 20mm de espessura, a depender do tipo de janela acústica.

 

Qual modelo de janela acústica escolher?

A escolha das janelas depende, principalmente, da necessidade dos moradores do imóvel. Isso porque existem modelos que vão desde camadas duplas, triplas ou até quádruplas de vidro até os de uma única camada espessa. Portanto, é preciso levar em consideração a quantidade de decibéis que você está exposto.

Os modelos mais simples conseguem impedir, em média, 30 decibéis (dB). Isso equivale a sons moderados de trânsito, buzinas, latidos, música alta entre outros. 

 

Por que ter janelas acústicas?

As janelas são itens de extrema importância para um imóvel. Afinal, são a conexão da área interna com os arredores. Portanto, ter soluções que não só ajudam na acústica, como também na segurança, são fundamentais com a violência que assola os centros urbanos. Além disso, elas podem ser sobrepostas às janelas já existentes no imóvel.

Por fim, por se tratar de vidro, possuem manutenção e limpeza práticas, que não demandam muito trabalho. Dessa forma, é possível afirmar que possuir esse tipo de janela é obter qualidade de vida. 

Entretanto, é importante salientar que peças como essa possuem um preço elevado quando comparadas às janelas normais. Portanto, pode ser interessante pensar nessa solução caso você esteja se mudando para um apartamento novo ou planejando grandes reformas. A não ser, é claro, que você realmente esteja tendo problemas sérios com a qualidade do sono.


Viu o quanto janelas acústicas podem ser uma aliada importante na qualidade de vida? Agora que você já conhece e entende as diferenças entre esses tipos de janelas e as comuns, confira também os nossos outros posts do blog!

2019-07-31T14:49:34-03:00